Notícias

Ferrogrão atrai a atenção de maior número de empresas chinesas em rodada de negócios

By | 18 Set, 2017

Uma rodada de negócios preparada pelo governo brasileiro teve encontros entre 24 empresas chinesas e os dois representantes do PPI (Programa de Parceria de Investimentos) durante a visita do presidente Michel Temer ao país Uma rodada de negócios preparada pelo governo brasileiro teve encontros entre 24 empresas chinesas e os dois representantes do PPI (Programa de Parceria de Investimentos) durante a visita do presidente Michel Temer ao país asiático.

 

 

De encontro, saiu a impressão de que a Ferrogrão é hoje o projeto com maior possibilidade de atrair investidores. A ferrovia que liga o Mato Grosso aos portos do Pará era a mais demandada pelas companhias chinesas que buscavam as informações sobre os projetos brasileiros. A previsão do governo é lançar os estudos de viabilidade dessa concessão ainda este mês. O projeto tem custo estimado de R$ 12,5 bilhões.

As empresas que procuraram os representantes do PPI, os secretários Adalberto Vasconcelos e Tarcísio de Freitas, foram companhias construtoras, operadores de concessões e fundos de investimentos. Segundo Adalberto Vasconcelos, a criação do PPI facilitou o contato com empresas chinesas já que eles têm como hábito buscar informações em quem centraliza projetos, o que é o caso do PPI.

Fonte: Agência iNFRA, 11/9/2017.