Notícias

Governadores vão a Brasília cobrar conclusão da Transnordestina

By | 07 Dez, 2016

Os governadores do Piauí, Wellington Dias; do Ceará, Camilo Santana; de Pernambuco, Paulo Câmara e deputados dos três estados onde está sendo construída a ferrovia Transnordestina se reunirão nesta quarta-feira (07), na Câmara dos Deputados, para elaborar uma força conjunta e cobrar do governo agilidade nas obras da ferrovia.

A Transnordestina é uma ferrovia de mais de 1.700 quilômetros de extensão que parte da cidade de Eliseu Martins, no Piauí, até Salgueiro, em Pernambuco. Ali, a ferrovia se divide em dois braços: um seguirá até o porto de Pecém, no Ceará, e o outro, em direção a Suape, em Pernambuco. Apenas 65% das obras de infraestrutura foram realizadas e o orçamento, que era de R$ 5,42 bilhões deve chegar a R$ 11 bilhões.

De acordo com o governo federal, o projeto prevê 2.3 mil quilômetros de ferrovia, beneficiando 81 municípios, 19 no Piauí, 28 no Ceará e 34 em Pernambuco. Em solo piauiense, a ferrovia passará por Simões, Curral Novo, Betânia, Paulistana, Campo Alegre do Fidalgo, Nova Santa Rita, Bela Vista, Paes Landim, Simplício Mendes, São Miguel do Fidalgo, São José do Peixe, Ribeira, Pajeú, Flores, Itaueira, Rio Grande, Pavussu e Elizeu Martins.

A reunião organizada pela Bancada do Nordeste, presidida pelo deputado Júlio Cesar, acontece na Câmara dos Deputados. “Vamos mostrar para o governo a importância da retomada e da liberação dos recursos para sua conclusão, vamos estudar uma solução para essa obra que é muito importante para os estados do Piauí, Ceará e Pernambuco. Já são mais de 10 anos de uma obra que deveria ser entregue há seis anos e isso é inaceitável”, lembrou.

As obras estão paradas por decisão da Justiça Federal em ação do Ministério Público.

Fonte: Cidade Verde, 6/12/2016.