Agência Porto | Consultoria

Notícias

Sepetiba Tecon recebe aval para operar navio grande

By | 08 Nov, 2018

O Sepetiba Tecon, terminal de contêineres da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) localizado em Itaguaí (RJ), está prestes a começar a operar navios de última geração. De grandes dimensões, as embarcações da chamada classe “new panamax” só atracam hoje em alguns portos do Brasil – como Santos (SP), o maior do país – com uma série de limitações, o que atrasa e onera a operação.

A Praticagem do Rio de Janeiro, responsável por conduzir as embarcações na entrada e saída dos portos fluminenses, informou a viabilidade da operação desses navios no terminal na terça-feira. Foram feitas 32 simulações de manobras e análise da geometria do acesso aquaviário ao Sepetiba Tecon.

Os “new panamax” são embarcações com 367 metros de comprimento, 52 metros de largura e calado de 15,2 metros. Para navios de até 340 metros de extensão, o calado poderá ser mais profundo, de 15,4 metros.

A Marinha homologou a nova profundidade permitida para o terminal em março, após a realização de dragagem na bacia de evolução, na área de manobra e nos berços da instalação. Mas, para liberar a vinda da nova classe, faltava a Praticagem especificar as condições operacionais de navegação por tipo de navio, o que foi feito nesta semana.

Ainda não há escala definida para embarcações da família “new panamax”. As condições operacionais e ambientais serão divulgadas pela Praticagem quando for definida a primeira escala. A expectativa é que ela ocorra no primeiro trimestre de 2019.

A ampliação do calado operacional integra o plano de investimento para modernização e expansão da capacidade de movimentação do Sepetiba Tecon. O plano prevê também a compra de novos equipamentos para movimentação de contêineres, tanto no costado quanto no pátio. Os investimentos fazem parte de um pacote de aproximadamente R$ 567 milhões.

Fonte: Valor, 8/11/2018.