Perfil País traz oportunidades para exportações brasileiras na Itália, Japão, México e Reino Unido
A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) acaba de lançar quatro novas edições do Perfil País, com foco na Itália, no Japão, no México e no Reino Unido. O produto apresenta um panorama econômico de cada país selecionado, com análises sucintas sobre as oportunidades e os desafios desses mercados.

Oitava maior economia do mundo, a Itália destaca-se em áreas como design industrial e inovação, moda e confecções. Como parte da União Europeia, cerca de 60% das importações italianas são provenientes de países do bloco e 17,8% de países extrabloco com acordos. A pauta de exportações do Brasil para a Itália é relativamente concentrada, sendo que, além de celulose e café, destacam-se as commodities como minério de ferro, soja, ouro e óleos brutos de petróleo. Apesar da concentração, o Mapa de Oportunidades da ApexBrasil identificou 353 produtos com oportunidades de exportação para a Itália, com destaque para máquinas e equipamentos e manufaturados.

O Japão é a terceira economia do mundo e está entre os maiores fornecedores brasileiros de produtos industriais, como veículos e aparelhos elétricos. A pauta das exportações brasileiras para o Japão é relativamente concentrada em commodities, sendo os principais produtos exportados, além de minério de ferro e carne de aves, milho, celulose e farelo de soja. Apesar dos cinco principais produtos exportados pelo Brasil para o país apresentarem tarifa de 0% a 3%, o Japão oferece tarifas preferenciais a seus parceiros que afetam a competitividade da exportação brasileira em outros produtos como petróleo, milho e alumínio.

No caso do México, quarta maior economia da América Latina, as exportações brasileiras são mais diversificadas. A pauta exportadora está centrada em produtos primários, como soja, cereais em grãos e esmagados do milho, e em produtos intensivos em economia de escala, como automóveis de passageiros. Não por acaso, o Mapa de Oportunidades da ApexBrasil identifica 820 produtos brasileiros com oportunidades de alavancarem suas vendas no mercado mexicano, especialmente em máquinas e equipamentos de transporte, artigos manufaturados, produtos químicos e produtos alimentícios.

Por fim, apesar do Reino Unido ter saído da União Europeia, entre 2017 e 2021, as exportações brasileiras para esse mercado cresceram 2% ao ano. Com um vasto mercado consumidor, a recuperação econômica e a alta dos preços das commodities exportadas pelo Brasil, o crescimento das exportações em 2021 foi de mais de 20%, atingindo o maior valor exportado desde 2014. Apesar disso, a participação brasileira na pauta exportadora do Reino Unido ainda é baixa (0,5%) e, mesmo nos produtos mais exportados, como ouro para fins não monetários, despojos de carnes e minério de ferro, há forte concorrência não só de países da Europa e da América do Norte, como também de asiáticos. Nesse cenário, há 317 produtos brasileiros identificados pelo Mapa de Oportunidades com oportunidade de exportação para o Reino Unido, destacando-se produtos alimentícios, materiais em bruto e equipamentos de transporte.

Confira os Perfis País aqui.

Leia Também Outras Notícias

Agência Porto
| 29 Nov, 2022

Autoridades do Reino dos Países Baixos estreitam relação com Santos

Leia mais
Agência Porto
| 29 Nov, 2022

Governador do MS sanciona marco regulatório estadual das ferrovias, que vai permitir o desenvolvimento do setor

Leia mais
Agência Porto
| 29 Nov, 2022

Santos Brasil dá início às operações de granéis líquidos no Porto do Itaqui

Leia mais

Como podemos ajudar?

Conte como podemos auxiliar com um dos nossos serviços e soluções.

Solicite um orçamento

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Privacidade.